Untitled Document
 

 

O que você gosta de ver no teatro?

 
 
Comédia
Drama
Improviso
Musical / Ópera
Stand Up
Outros


 
Cadastre-se e recebe nossas notícias em seu e-mail.
 
 
E-mail
Nome
 
 
  Busca Tema       Newsletter: Receba nossas notícias por email!      
 
 
 
Email:
 
 
 
 
GTT REALIZA ENSAIO ABERTO DE SEU NOVO ESPETÁCULO
9/08/2014 - 08:08 hrs

Visando o intercâmbio com o público durante o processo de montagem de seu novo espetáculo, o GTT – Grupo Teatral Ta’lento, mantenedor do Espaço Fábrica das Artes, estará realizando neste sábado, 09 de agosto, às 20 horas um ensaio aberto da peça Um retrato das três irmãs. A apresentação acontece no Teatro da Associação Fábrica das Artes com entrada gratuita.

Depois de se aventurar na construção de uma dramaturgia inédita partindo de “Hamlet”, o GTT se propõe agora a um trabalho de aproximação, estudo e encenação de “As três irmãs”, um importante texto de outro autor teatral considerado clássico – Anton Tchekhov. “Levando em conta o número de personagens na peça e a quantidade de atores no projeto, foi necessária uma reelaboração na dramaturgia original, mas o objetivo sempre foi o de preservar o máximo do texto russo, de acordo com o interesse do GTT de trabalhar com uma dramaturgia pronta para que o foco na montagem fosse o trabalho dos atores e das atrizes”, revela Tiago Luz, diretor da peça. A escolha por um texto russo se liga à ideia do reconhecimento da tradição e influência dessa linhagem teatral, seja na encenação e trabalho de ator com os pesquisadores Constantin Stanislavski e Vsevolod Emilevich Meyerhold, por exemplo, assim como na dramaturgia com Máximo Gorki, Vladimir Maiakovski e o próprio Tchekhov.

Sinopse
Pense numa fotografia antiga sua. Você consegue se lembrar dos sonhos do passado? Quanto tempo se passou? Baseada em “As Três Irmãs” de Anton Tchekhov, o espetáculo mostra uma família da aristocracia de ex-militares Russos, os Prozorovs. As três irmãs Olga, Macha e Irina vivem com seu irmão Andrei em uma pequena cidade no interior da Rússia. Após a morte do coronel Prozorov, patriarca da família, a vida segue pacata, mas sempre com desejo de retornar a viver na maravilhosa Moscou de suas infâncias e sonhos, onde acreditam que seus anseios por melhores trabalhos, companhias e pretendentes se realizariam. Tchekhov recorta trechos de vida da casa dos Prozorov e este é o nosso retrato.

Sobre o trabalho
Dando continuidade a um trabalho iniciado no projeto “GTT 15 anos”, em 2010, que culminou no espetáculo “ ERRANTES- (Titulo Provisório)”, o GTT convidou novamente o ex-integrante e diretor Tiago Luz para uma nova montagem. No elenco, formado por atores e atrizes de diferentes gerações do GTT estão Juliana Gobbo e Marcelo Porqueres, fundadores do grupo, Carlos Eduardo Nascimento, Michaele Piasson e Luan Spark, este último o mais novo integrante do time e a atriz Luciana Mizutani, do Teatro do Bardo, é convidada especial para essa montagem.

O espetáculo Um retrato das três irmãs foi beneficiado com recursos da Lei Municipa de Incentivo à Cultura, aprovado pelo Conselho Municipal de Cultura, ligado à Secretaria de Cultura e Turismo de Americana, lei 3078 de 22 de julho de 1997.

Sobre o GTT
Em cena desde 15 de março de 1995, o GTT – Grupo Teatral Ta’lento surgiu da fusão de dois grupos estudantis (Pé Preto e TAJ – Arte e Expressão), ligados ao Colégio João XXIII, em Americana. É o segundo grupo mais antigo da cidade e seu trabalho é reconhecido e respeitado dentro e fora do município. O período em que manteve sede no colégio João XXIII (de 1995 a 2001) foram importantes para dar personalidade e sustentação à linha de trabalho do grupo. Foi nessa fase que o GTT experimentou o Teatro Popular, A Commedia Dell`arte e o Teatro Pós-Guerra de Heiner Muller. Foi em O Julgamento, uma adaptação de Mauser, do dramaturgo alemão, que o GTT ganhou projeção nacional ao ser premiado nos Festivais de Americana, Limeira, Araras, depois de ter participado com destaque no FIT- Festival Internacional de Teatro de São José dos Campos, dividindo a cena com grupos da França, Rússia, Portugal, Brasil e Argentina.

A partir de 2001 o GTT lançou-se a um novo e grande desafio, decidiu montar, em parceria com outro tradicional grupo da cidade, um espaço próprio. No dia 08 de junho daquele ano, nascia em Americana o Espaço Cultural Fábrica das Artes. Sob o teto do Fábrica, o GTT trouxe à cena a tragédia grega “Édipo Rei”.A estreia da peça inaugurou a nova sede do grupo, pavimentando o caminho de conquistas que se solidificaram ao longo dos anos, levando-o a inúmeros festivais, inclusive ao Festival de Curitiba.

De Makura Jido, montagem inspirada no Teatro Noh Japonês, passando pela literatura de Ariel Capozzi (escritor americanense) e Murilo Rubião; Do teatro latino de Aristides Vargas às crônicas de Luis Fernando Veríssimo, o grupo navegou por diferentes linguagens até estabelecer como linha central de trabalho a pesquisa sobre a sociedade em que vivemos, suas influências e consequências, notadamente em forma de dramaturgia própria, como nas peças O Novato, inaugurando a pesquisa em Teatro coletivo e colaborativo do grupo, Sobre-Vivências e mais tarde, o espetáculo [Errantes] – (Título Provisório), sob forte influência de Hamlet, de William Shakeaspeare.

A busca do novo é a fonte de inspiração do GTT e a diversidade, a palavra que acompanha o grupo em todos esses anos de estrada.

Ficha Técnica
Dramaturgia: Anton Tchekhov
Adaptação e direção: Tiago Luz
Elenco: Carlos Eduardo Nascimento, Juliana Gobbo, Luan Izaias, Luciana Mizutani, Marcelo Porqueres e Michaele Piasson
Iluminação: Marcelo Porqueres
Figurinos: GTT
Cenografia: Gisele Cimony
Trilha Sonora: Rick Lupe
Equipe Técnica: Carla Biancalana e Lucas Tomaz
Produção: GTT

Serviço
Ensaio Aberto
Um retrato das três irmãs
09 de agosto – Sábado – 20h
Entrada Franca
Fábrica das Artes – Rua Cícero Jones 146 – Americana
Informações: 19 – 98838.1990


Fonte:
Fábrica das Artes